2019 - JANEIRO - 1 - Liturgia Católica Apostólica Romana

- AD MAIOREM DEI GLORIAM -
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
NOTICIÁRIO DO VATICANO
Liturgia Diária
OITAVA DO NATAL: SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA – NATAL

1a Leitura - ANO C - Nm 6,22-27
Invocarão o meu nome sobre os filhos
de Israel e eu os abençoarei.
Leitura do Livro dos Números 6,22-27
22O Senhor falou a Moisés, dizendo:
23‘Fala a Aarão e a seus filhos:
Ao abençoar os filhos de Israel, dizei-lhes:
24O Senhor te abençoe e te guarde!
25O Senhor faça brilhar sobre ti a sua face,
e se compadeça de ti!
26O Senhor volte para ti o seu rosto
e te dê a paz!
27Assim invocarão o meu nome sobre os filhos de Israel,
e eu os abençoarei’.
Palavra do Senhor.

Salmo - ANO C - Sl 66,2-3.5.6.8 (R. 2a)
R.Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção.
2Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção,*
e sua face resplandeça sobre nós!
3Que na terra se conheça o seu caminho*
e a sua salvação por entre os povos.
R.

5Exulte de alegria a terra inteira,*
pois julgais o universo com justiça;
os povos governais com retidóo,*
e guiais, em toda a terra, as nações.
R.

6Que as nações vos glorifiquem, ó Senhor,*
que todas as nações vos glorifiquem!
8Que o Senhor e nosso Deus nos abençoe,*
e o respeitem os confins de toda a terra!R.

2a Leitura - ANO C - Gl 4,4-7
Deus enviou o seu Filho, nascido de uma mulher.
Leitura da Carta de São Paulo aos Gálatas 4,4-7
Irmãos:
4Quando se completou o tempo previsto,
Deus enviou o seu Filho, nascido de uma mulher,
nascido sujeito à Lei,
5a fim de resgatar os que eram sujeitos à Lei
e para que todos recebêssemos a filiação adotiva.
6E porque sois filhos,
Deus enviou aos nossos corações o Espírito do seu
Filho, que clama: Abá – ó Pai!
7Assim já não és mais escravo, mas filho;
e se és filho, és também herdeiro:
tudo isso, por graça de Deus.
Palavra do Senhor.


Evangelho - ANO C - Lc 2,16-21

Encontraram Maria e José e o recém-nascido.
E, oito dias depois, deram-lhe o nome de Jesus.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 2,16-21

Naquele tempo:
16Os pastores foram às pressas a Belém
e encontraram Maria e José,
e o recém-nascido, deitado na manjedoura.
17Tendo-o visto, contaram o que lhes fora dito
sobre o menino.
18E todos os que ouviram os pastores
ficaram maravilhados com aquilo que contavam.
19Quanto a Maria, guardava todos estes fatos
e meditava sobre eles em seu coração.
20Os pastores voltaram, glorificando e louvando a Deus
por tudo que tinham visto e ouvido,
conforme lhes tinha sido dito.
21Quando se completaram os oito dias
para a circuncisão do menino,
deram-lhe o nome de Jesus,
como fora chamado pelo anjo antes de ser concebido.
Palavra da Salvação.


REFLEXÃO - PADRE JOÃO LUÍS FÁVERO - CAMPINAS


“Que Deus nos dê a sua graça e sua benção!”
Lc 2, 16-21

SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS – 01 DE JANEIRO DE 2019

“Viva a Mãe de Deus e nossa...”
Iniciar o ano sob a proteção de Maria, A Mãe de Deus e nossa Mãe, é sempre motivo de muita alegria. Ao longo deste ano vamos aprender de Maria a observar e meditar sobre os fatos e notícias que nos chegam diariamente, para descobrirmos os caminhos de Deus, que se revelam também no meio de caminhos tortuosos.
Deus age através das pessoas e dos acontecimentos. Maria soube guardar no coração. isso expressa o esforço do discernimento feito por ela a partir do que ouvia a respeito do seu Filho e do que foi aprendendo sobre a Palavra de Deus. Afinal, ela não foi uma iluminada, com conhecimentos privilegiados que lhe permitiam entender tudo o que se passava.
Tinha consciência de sua missão, porém, foi preciso engajar-se de corpo e alma para compreender a real dimensão do compromisso assumido. O desafio do discernimento acompanhou-a ao longo de sua vida. Esta postura de Maria, antecipa a atitude do discipulo do Reino. É preciso compreender as exigências do discipulado.
Quanto mais conhecemos o coração de Jesus, tanto mais estaremos em condições de segui-lo com fidelidade. É um caminho feito com o coração mais do que com a pura razão. É o caminho que nos leva a sabedoria do Reino, do qual Maria foi discípula perfeita.
Temos também, os Pastores que são pessoas simples e humildes, mas são os primeiros a tomar conhecimentos do recém-nascido. Eles partem em busca de Jesus e depois de encontra-Lo, tornam-se os primeiros anunciadores da chegada do Salvador da humanidade. Essa boa noticia traz alegria e esperança ao povo que espera a realização das profecias.
Assim como os pastores foram às pressas a gruta de Belém. Devemos nos apressar para ir a Gruta que continua aberta esperando a nossa entrada e o nosso encontro com Jesus. Que a graça de Deus vivida neste Natal, enriqueça a nossa vida para a missão, alimentando nosso desejo de viver como discípulo missionário.    
Vamos viver a Palavra em 2019! Que o Evangelho seja nossa orientação em cada dia deste novo ano. Deixemos que a Palavra de Deus em nós se torne testemunho. Que a fé e a esperança não faltem, o amor e a justiça sejam nossa prática e a paz cresça entre nós. E que a graça de Deus não nos falte neste ano. É agradável começar o ano com Maria. Ave Maria...

Deus abençoe você e sua família.

REFLEXÃO - FREI RINALDO STECANELLA, OSM


Eu te amarei, ó SENHOR, fortaleza minha.
O Senhor é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem confio; o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio.
Bom dia. FELIZ ANO NOVO. As portas estão abertas...novas oportunidades se vislumbram a partir de agora. Podemos sim dizer: Adeus ano velho e A DEUS o ano novo! Se assim for...a benção é garantida! Se o Senhor for o TUDO em sua vida...você e todos nós teremos garantia de bençãos e vitórias. Um feliz ano novo com Deus no coração e no pensamento. Ame mais, perdoe mais, viva mais, cuide-se mais!!! Que os próximos 12 passos (12 meses) sejam repletos de alegrias, paz, luz, superação, aprendizado, força de vontade, crescimento, harmonia...AMOR. Deus é amor!


Salmo 66

Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção.

Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção,/ e sua face resplandeça sobre nós!/ Que na terra se conheça o seu caminho/ e a sua salvação por entre os povos.

Exulte de alegria a terra inteira,/ pois julgais o universo com justiça;/ os povos governais com retidão,/ e guiais, em toda a terra, as nações.

Que as nações vos glorifiquem, ó Senhor,/ que todas as nações vos glorifiquem!/ Que o Senhor e nosso Deus nos abençoe,/ e o respeitem os confins de toda a terra!

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *

Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Com carinho e bençãos
PUBLICIDADE
- Totus Tuus -
Voltar para o conteúdo